Especialista ensina como as empresas podem evitar os ataques cibernéticos

Posts

Resultado de imagem para proteja a rede da sua empresa

Os atuais ataques de hackers a diversas empresas em todo o mundo, fez com que os empreendedores repensassem sobre a segurança dos dados da empresa. Os ataques recentes não foram os primeiros, e segundo especialistas, não serão os últimos. Por isso é importante se preparar e se defender para não correr o risco e sofrer nenhuma ameaça.

Uma das empresas que sofreu o ataque cibernético foi a empresa francesa multinacional Saint-Gobain, que também atua no Brasil, sendo o ataque mais recente. Além dela, outras empresas também importantes passaram por momentos difíceis sob a ameaça do ciberataque no mês de maio desse ano. Os dois ataques apresentam características semelhantes, o vírus Wannacry foi o responsável por desativar 230 mil computadores em cerca de 150 países. Foi o ataque com maior repercussão ao longo de anos, no entanto, diversos ataques acontecem sem que isso venha a público.

O analista de segurança da empresa Kaspersky, Thiago Marques, revelou que os ataques possuem uma forma de atuação bastante parecida. Marques disse: “O vírus se espalha na rede, se apropria de dados da empresa e os hackers pedem o pagamento do resgate para devolver os arquivos.” O analista ainda revela que os ataques isolados não foram classificados como maior ou menor que o ocorrido no mês de maio. “Ainda estamos monitorando e não podemos afirmar se é um ataque maior ou menor.”

Segundo Marques, apenas o alvo se tornou diferente nesses novos ataques. O alvo da vez são as grandes multinacionais instaladas em todo o mundo, como foi o caso da Saint-Gobain que tem sede no Brasil. A empresa informou em uma nota: “Por medidas de segurança, o grupo interrompeu temporariamente seus sistemas de informática, para proteger seus dados. A empresa está mobilizada para solucionar a situação o mais breve possível”.

O ataque ainda chegou ao Hospital do Câncer em Barretos e na Santa Casa de Barretos, invadindo os sistemas internos dos dois hospitais, deixando todo o acesso bloqueado, assim como as informações dos pacientes.

Como se prevenir desse ataque?

O professor e Segurança de Informação, Marco Ribeiro, que representa a FIA, ensinou alguns métodos que podem ser adotados como medidas simples de prevenção aos ataques cibernéticos. Confira a seguir:

– Não faça download de arquivos com origem suspeita ou desconhecida;

– Não use o computador no modo administrador, pois a rede fica mais vulnerável a ataques;

– Use o computador em modo de usuário a fim de tornar a rede mais segura;

– Coloque filtros de acesso nas pesquisas realizadas em sites para que links maliciosos sejam detectados antes mesmo do site ser aberto;

– Não coloque os computadores que tem acesso à rede em compartilhamento com outros computadores, pois assim se um computador for infectado, a propagação do vírus será muito menor.