O povo brasileiro e seu espírito empreendedor para os negócios

Posts

O povo brasileiro é uma das nações com maior espírito para se tornar empreendedor, e de acordo com pesquisas, segundo o site Gazeta do Povo, o ano de 2018 será o marco para que novas pessoas entrem nesse meio, mas não necessariamente por necessidadae, mas sim por vontade e desejo de serem donas de seus próprios negócios.

O Banco Santander tem uma estimativa para que o ano de 2018, dois milhões e meio de empresas sejam criadas, e que destas mesmas, sejam geradas dois milhões de novos empregos, criados diretamente por viés de empreendedores, sejam eles, microempreendedores individuais (MEI) ou até mesmo grande empresários. De tal forma, uma pessoa que não tenha tantas condições de se lançar como um alto empresário, deveria dar o primeiro passo partindo de baixo, que seria por meio do MEI.

O Microempreendedor Individual é aquela pessoa que quer dar início a um negócio ou já trabalha por conta própria, e tem um faturamente de até R$81000,00 por ano. E para tal, existe um número gigantesco de atividades que se encaixam no perfil do MEI, de modo que pode ser feito um único registro e ter até 15 diferentes outras ocupações secundárias. Alguns dos exemplos de ocupações a qual o MEI pode ser inscrito são: abatedor de aves independente, açougueiro independente, agete de viagens, artesão de bijuterias independente, barbeiro independente, cabeleireiro independente, cozinheiro, coveiro, editor de jornais diários, fabricante de bolsas, calçados e uma infinidadae de outras atividades.

O MEI, uma vez formalizado através do Portal do Empreendedor, terá uma série de vantagens que antes na informalidade o mesmo não tinha, dentre elas, têm-se: ter um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) e um Alvará para poder trabalhar de forma legal para empresas mediante a emissão de notas fiscais, poderá vender os seus serviços e produtos para o governo, terá acesso direto a a produtos e serviços bancários, apoio total do SEBRAE para tirar dúvidas e esclarecimentos sobre formas de gestão do negócio, baixíssimas tributações mensais de impostos (INSS, ISS ou ICMS) de acordo a atividade em exercício e o melhor de todos, que é a garantia dos direitos e benefícios previdenciários, que incluem os auxílios e as aposentadorias.